Como chegar a Machu Picchu, tim-tim por tim-tim…

Comprando ingresso para visitar Machu Picchu
02/06/2015
Imagem da leitora
03/06/2015

Como chegar a Machu Picchu, tim-tim por tim-tim…

Machu Picchu, cidade sagrada dos Incas e uma das sete maravilhas do mundo é o maior cartão postal do Peru. Um lugár mágico, localizado a 2.430 metros acima do nível do mar, o que já alivia bastante os problemas de altitude de quem veio de Cusco, que está a 3.400m.

As pessoas nos perguntam como chegar a MP (aqui, entenda Machu Picchu) e realmente tem alguns senões, ingressos etc e tal, que confundem um poucos os marinheiros de primeira viagem, mas a gente vai dar o caminho das pedras aqui pra vocês:

1 – Saindo do Brasil para Cusco

O aeroporto mais perto de Machu Picchu fica em Cusco e existem diversas companhias aéreas que fazem voo de Lima, capital do Peru, para lá como, por exemplo, Peruvian, StarPeru, Avianca, TACA, LAN, entre outras.

Se você deseja comprar passagem direto do Brasil para Cusco terá que fazer escala em Lima. Você poderá optar pela opção de múltiplos destinos e aproveitar para conhecer Lima, que é cheia de atrativos também. Nesse caso uma boa opção é voar pela LAN.

Vale lembrar que existem opções para se chegar a Cusco por carro, de preferência um 4×4, através da estrada que atravessa a Amazônia brasileira e peruana, e pelo lendário Trem da Morte, mas isso é conversa para os muitos jovens, os mochileiros e a gente tá fora…

Bem, uma vez em Cusco, é bom preparar-se para chegar bem cedo a Machu Picchu, pois a cidade fica lotada de turistas todos os dias e dessa forma você terá a chance de conhecê-la mais vazia. Alguns pernoitam em Águas Calientes justamente para garantir a chegada bem cedo a Machu Picchu. Há também a opção de se hospedar no único hotel em Machu Picchu, o Belmond Sanctuary Lodge (bem caro);

2 – Como ir de Cusco a Águas Calientes, porta de entrada para Machu Picchu

Chegando a Cusco você deverá permanecer pelo menos 2 noites na cidade antes de ir a Machu Picchu. A cidade é linda e vale a pena passar alguns dias e conhecer suas atrações e ir até o Vale Sagrado, além disso, há muitos bons restaurantes, vida animada, gente simpática e para quem gosta de fotografar é o paraíso.

Outro motivo para passar 2 ou mais dias em Cusco é o fato da cidade estar a 3.400 metros de altitude e consequentemente algumas pessoas sofrerem com a altitude, pois o corpo leva um certo tempo até se acostumar. Uma vez acostumado com a altitude de Cusco você poderá escolher ir de trem ou se aventurar pela Trilha Inca, que requer muito preparo físico.

 

3 – Como ir trem de Cusco a Águas Calientes (trem)

Todos devem passar por Águas Calientes já que não existe parada diretamente em Machu Picchu. São basicamente duas opções:

a) – Ir de Cusco para estação de Poroy, a 20 minutos de distância de carro. Uma observação importante é que esta estação fecha de novembro a abril, pois trata-se do período de chuvas e corre-se o risco de pedras desabarem. Optamos por esse roteiro porque estava mais próximo de Cusco. Negociamos com um taxista, ainda no hotel em Cusco (na véspera) e ele nos pegou no hotel às 5 da manhã para levar até Poroy onde pegaríamos o trem até Águas Calientes; ele nos cobrou 15 soles;

b) – Ir de Cusco para estação de Ollantaytambo, também chamada de Sacred Valley,  localizada a 90 quilômetros de Cusco e a 1:30 de trem de Águas Calientes. Nesse caso ao invés de pernoitar em Cusco é interessante pernoitar no Vale Sagrado.

Note: as passagens de trem devem ser compradas com antecedência pela internet e trocadas na sede da empresa em Cusco (todos por lá sabem onde). Os trens são bons e há serviço de bordo incluído na passagem com bebidas e lanche.

Pensou que acabou? Nada disso! Ainda tem o trecho mais animado da viagem… o busão!

4 – Para ir de Águas Calientes a MP, a melhor opção é ir de ônibus, pois são diversos os horários de saída. São 2 quilômetros de uma subida com 14 curvas. Você poderá optar ir de van ou táxi também. O ingresso do ônibus custa 19,00 soles. Conforto zero, ônibus velhos, mas a viagem é tão rápida que ninguém se importa.

5 – Ingressos para entrar no parque de Machu Picchu

Para entrar em Machu Picchu é necessário adquirir o bilhete de acesso, que é vendido através do site: http://www.machupicchu.gob.pe

Aconselhamos comprar com antecedência, pois existe um número limitado de 2.500 visitantes por dia na cidade.

Pode-se optar por comprar apenas a entrada ou a entrada combinada com uma subida à própria montanha de Machu Picchu (7:00 às 11:00 da manhã) ou à montanha Huaynapicchu (7:00 às 08:00 ou 10:00 às 11:00).

Valor da entrada (sem subida as montanhas): 126,00 soles.

6 – Retorno para Cusco

O retorno é semelhante à ida e a passagem de trem deverá ser comprada com antecedência, pois assim você poderá organizar e planejar melhor o seu dia.

Você deverá pegar novamente o ônibus até Águas Calientes e depois o trem até a estação desejada.

Cansou? Nada disso! Siga em frente, a viagem é fantástica!

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Prove que você é um ser humano! * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.