10 passeios no Lago di Como, Itália

Lago di Como, um lugar pra ir a dois
15/11/2016
Malta, um paraíso no meio do Mediterrâneo
18/11/2016

10 passeios no Lago di Como, Itália

O ideal é ficar de dois a três dias no Lago di Como, não precisa mais do que isso, a não ser que você queira ficar admirando a paisagem, o que, convenhamos, não é nada mal. Nesses dois ou três dias, há muito o que fazer e a gente selecionou alguns programas que consideramos imperdíveis mesmo:

  1. Palácio Vila Carlota, de 1690, na cidade de Tremezzo. Separe uma manhã ou uma tarde inteira, porque vale. É fali chegar lá, especialmente se você está hospedado em Bellagio, que fica pertinho, basta atravessa o lago em qualquer um dos barcos que partem a cada meia hora do píer;
  2. Cidade de Como, que dá nome ao lago. É a maior cidade da região, com cerca de 90 mil habitantes (enquanto as outras têm, em média 5 mil). Aproveite e pegue o funicular para conhecer outra cidadezinha (Brunate) e vá também ao Duomo;
  3. Varena, uma cidade tão linda e tão colorida, que você vai querer viver para sempre ali. Fica quase em frente a Bellagio, mas na margem oposta a Tremezzo (ou Tremezzina). Há um serviço de balsa que faz a travessia em 20 minutos e leva carros e pedestres;
  4. Parque Meyer, em Tremezzo/Tremezzina – cheio de jardins incríveis, esculturas, o lugar perfeito para fotos com o lago ao fundo;
  5. Jantar no La Terraza, restaurante do Grand Hotel Tremezzo. Mesmo que você não esteja hospedado no hotel, vale o jantar. O lugar é simplesmente mágico, você não se arrependerá. Mas é caro e precisa fazer reserva ((pelo site), ou por telefone (+39 0344 42491).
  6. Pegar os barcos que saem a cada meia hora (a gente saiu sempre do píer que fica em Bellagio, na frente do Hotel du Lac). Os barcos passam por todas as 40 cidades ao redor do lago e você escolhe onde desce e sobe. Funciona como um hop-on-hop-off; preços variam entre €1,30 e €14,80, dependendo do trajeto escolhido e da época do ano. Sugerimos descer em Bellagio, Laglio, Varenna e Tremezzo, pelo menos. Fique atento à rota e aos horários dos barcos, embora saiam do mesmo local, os destinos e a duração dos passeios variam e há barcos rápidos (mais caros) e barcos lentos (mais baratos).  Se você quiser visitar mais de uma cidade, compre o bilhete de circulação livre (biglietto di libera circolazione), que custa €25,8, é válido por todo o dia e permite viagens ilimitadas;
  7. Almoçar no Bar e Restaurante Azalea, no Hotel Azalea, em Tremezzo – comida boa, vista sensacional, pendurado sobre o lago;
  8. Compras de produtos de seda – não fizemos essas compras em outras cidades e sim em Bellagio, onde nos hospedamos; Mas acredito que seja mais ou menos a mesma coisa em todas elas. Gravatas belíssimas e lenços femininos maravilhosos;
  9. Andar pelas ruelas, subir e descer escadarias vasculhando cada cidade – é um passeio e tanto, rende fotos lindas e você ainda vai descobrir muita coisa legal para fazer;
  10. Fazer o passeio de trenzinho que liga as cidades de Menaggio até Tremezzo (foi o percurso que fizemos); é um trenzinho simples, vermelho, chamado Trombeta Express, parece coisa da Disney, mas é um programa e você vai apreciando a paisagem linda, não se cansa de andar, achamos divertido. Tem gente que acha muito bobo, a gente gostou!
Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Prove que você é um ser humano! * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.